Empresas

Empresas > Impostos > IPVA

IPVA 2020


Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores - IPVA 2020

 

Guia de Arrecadação

    As guias de arrecadação do IPVA 2020 que atendam os requisitos do Programa Bom Pagador  já estão com desconto de 3%. Para pagamento à vista um desconto de mais 3% será adicionado.

O prazo para pagamento em cota única ou da primeira parcela foi de 13 a 17 de janeiro, conforme final de placa e escala de vencimentos abaixo:

Programa Bom Pagador

IPVA 2020

ESCALA DE VENCIMENTOS:

FINAIS DE PLACA

COTA ÚNICA/
1ª PARCELA

2ª PARCELA

3ª PARCELA

JANEIRO

FEVEREIRO

MARÇO

1 e 2

13

13

13

3 e 4

14

14

16

5 e 6

15

17

17

7 e 8

16

18

18

9 e 0

17

19

19


    Para consultar o IPVA 2020, clique abaixo:

Consulta por Código RENAVAM

    Para efetuar o pagamento, dirija-se a uma das agências dos agentes arrecadadores:  Bradesco, Bancoob, Mercantil do Brasil, Caixa Econômica Federal, Santander, Casas Lotéricas, Mais BB e Banco Postal, informando o número do RENAVAM ou apresentando a guia de arrecadação.

    Para emissão da guia de pagamento do IPVA utilize o link abaixo ou procure uma das unidades de atendimento da SEF/MG. O contribuinte cujo RENAVAM não se encontre na base de dados dos bancos poderá utilizar a guia para pagamento do IPVA:

Guia de Arrecadação

Clique aqui para consulta de bom pagador

Alerta sobre envio de boletos falsos de IPVA e mensagens em redes sociais

    Os contribuintes deverão pagar o imposto diretamente na rede autorizada, informando o Renavam do veículo.

    A Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais (SEF/MG) informa que não envia boletos para pagamento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).        

    Alguns contribuintes têm denunciado, em várias partes do país, o recebimento de tais documentos via Correios, além de mensagens em redes sociais, emails e SMS com links para emissão dos falsos boletos.

    Em Minas Gerais, para efetuar o pagamento do IPVA 2020, os contribuintes deverão se dirigir diretamente aos terminais de autoatendimento ou guichês de caixa dos agentes arrecadadores autorizados. Alguns bancos autorizam o pagamento pela internet. Em todas as hipóteses acima, basta informar o número do Renavam do veículo.

    Os contribuintes que optarem pela emissão da guia de arrecadação do IPVA deverão acessá-la, exclusivamente, no site da SEF ou solicitá-la nas repartições fazendárias.

 

Esclarecimento sobre pagamento do IPVA com Cartão de Crédito

 

    A Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais (SEF-MG) esclarece que a possibilidade de pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) utilizando cartão de crédito é uma medida implementada pelo Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG), respeitando a Portaria 647 do órgão, publicada no Diário Oficial do Estado do dia 13 de abril de 2019, atendendo a Resolução CONTRAN 736 (Conselho Nacional de Trânsito), de 5 de Julho de 2018.

    O Detran credenciou, até o momento, duas empresas que poderão oferecer aos contribuintes a opção de pagar todos os débitos relativos a veículo automotor, atuais e vencidos, utilizando cartão de crédito, com possibilidade de parcelamento de 2 a 12 vezes, cobrando juros de mercado, variando conforme o número de parcelas.

    Portanto, não é o Estado de Minas Gerais que está parcelando as dívidas, mas as empresas credenciadas pelo Detran. Essas empresas credenciadas repassarão aos cofres públicos o valor integral e à vista dos débitos, ficando o contribuinte em dia com as obrigações relativas ao veículo e passando a ser devedor das empresas.

    A SEF-MG esclarece também que nenhuma base de dados de contribuintes foi repassada às empresas credenciadas.

Taxa de Renovação do Licenciamento Anual de Veículos Automotores (TRLAV)

 

    Valor da taxa em 2020: R$ 105,78

 

    Para efetuar o pagamento, dirija-se a uma das agências dos agentes arrecadadores:  Bradesco, Bancoob, Mercantil do Brasil, Caixa Econômica Federal, Santander, Casas Lotéricas, Mais BB e Banco Postal, informando o número do RENAVAM ou retire o Documento de Arrecadação no link:

 

Emitir Documento de Arrecadação Estadual (DAE) da TRLAV

 

 

Subsecretaria da Receita Estadual (SRE)
Superintendência de Arrecadação e Informações Fiscais (SAIF)